» » O que é um tiristor

O que é um tiristor

Um tiristor é um componente semicondutor de dois, três ou quatro terminais que pode ser usado como interruptor de ação rápida. A condição de um tiristor é LIGA ou DESLIGA, dependendo da tensão de entrada no elemento da porta.

Figura 1

Os dois tipos mais importantes de tiristores são indicados na Figura 1: o SCR (do inglês “Silicon Controlled Rectifier” ou retificador controlado por silicio) veja Figura 1a  e o triac (Figura 1b). Ambos são interruptores de ação rápida. São postos em condição LIGA por uma tensão aplicada na porta, porém não podem ser postos em condição DESLIGA com urna tensão na porta. Para colocar estes componentes em condição DESLIGA é preciso abrir o circuito do anodo ou do cato-do.

Figura 2

A operação de um tiristor SCR está indicada na Figura 2. Aqui socê pede ser um circuito com tiristor SCR no qual a tensão para a porta do SCR e o caminho da corrente dà anodo são controlados por chaves. A tensão aplicada E é usada para alimeritar tanto o eletrodo do anodo como o eletrode da porta, dependendo das posições das chases S1 e S. O resistor R reduz a tensão E de modo a lornecer uma tensão menor para a porta do tiristor SCR quando a chave S está fechada.

Na Figura 2a não existe fluxo de corrente no circuito do anodo, porque a chave S1 está aberta. Não há tensão na porta porque a chave 52 está aberta, de modo que a lâmpada L não está ligada.

A Figura 2b mostra o que ocorre quando você fechar ambas as chaves. A chave S1 do anodo completa o circuito para o anodo através da lâmpada. Fechando a chave S,, permite que a tensão positiva aja sobre a porta do tiristor SCR, pondo o tiristor SCR em condição LIGA. A lâmpada está agora LIGADA.

Quais São os Componentes de Três Terminais ?

Na Figura 2c, a chave para a porta foi aberta. Agora não há tensão aplicada à porta. Porém, a lâmpada permanece LIGADA. A razão para isto é que a porta não tem nenhum controle sobre a condução do tiristor SCR, urna vez iniciada a condução.

Como vamos desligar a lâmpada uma vez tiristor SCR começou a conduzir? Se abrirmos a chave S1, conforme indicado na Figura 2, a corrente do anodo pára e a lâmpada será DESI IGADA. As ilustrações para a Figura 2 mostram apenas o efeito de aplicar tensões para os circuitos da porta e do anodo. Este não é um circuito prático.

O triac na Figura 1b realiza a mesma tarefa que um tiristor SCR. E um interruptor de ação rápida. A única diferença é que a corrente pode fluir em qualquer sentido, através do triac, enquanto num tiristor SCR a corrente pode apenas fluir num sentido (do catodo para o anodo). Assim, os triacs são usados em circuitos onde se deseja ligar uma corrente alternada enquanto os tiristores SCR são geralmente usados em circuitos onde se deseja ligar uma corrente contínua. Em ambos os dispositivos um impulso positivo de curta duração aplicado à porta irá pôr o dispositivo em condição LIGA.

Resumo

 

  1. Um tiristor é um interruptor sernicondutor de ação rápida.
  2. Existem dois tipos de tiristores que foram estudados neste capitulo. São eles: o tiristor SCR e o triac.
  3. Ambos os tipos de tiristores podem ser postos em condição LIGA com uma tensão positiva de curta duração na porta.
  4. Para pôr um tiristor em condição DESLIGA é preciso abrir o Circuito do anodo ou do catodo. Uma vez que o tiristor está em condição LIGA, a tensão da porta não tem mais nenhum controle sobre a condução do tiristor

Gostou do que viu? Compartilhe!