» » O que é uma corrente parasita

O que é uma corrente parasita

Os ferros não conduzem eletricidade tão bem como o cobre. A lei de Faraday diz que, toda vez que houver movimento entre um condutor e um campo magnético, uma tensão é induzida. Quando a corrente alternada flui os enrolamentos primário e secundário, existe um campo móvel em volta das bobinas. O fluxo variável destas correntes corta o núcleo de ferro; isto induz correntes no núcleo. Estas correntes são chamadas correntes parasitas. São ilustradas na Figura 1.

Figura 1

A Figura 1a mostra uma onda de corrente alternada aplicada a uma bobina e as correntes parasitas fluindo num núcleo de ferro. Estas correntes parasitas provocam o aquecimento do ferro e este calor representa uma perda de energia. Para reduzir as correntes parasitas, o núcleo de ferro é formado de camadas de chapa fina de aço, chamadas lâminas, conforme indicado na Figura 1b. O caminho para o fluxo de corrente é reduzido. Como você sabe, a resistência de qualquer condutor aumenta quando a seção diminui; portanto, usando lâminas de ferro, reduz a seção transversal e aumenta a resistência ao fluxo de correntes parasitas.
Se você desmontar um transformador, verá que as lâminas são isoladas umas das outras; o isolamento não tem efeito sobre o caminho magnético, porém aumenta a resistência ao fluxo de correntes parasitas.

Gostou do que viu? Compartilhe!