Lombada eletrônica: Tolerância, vantagens e mais

O uso da Lombada é muito comum na disposição do trânsito e atualmente as lombadas eletrônicas estão possuindo cada vez mais destaque, mesmo que ainda siga havendo dúvidas sobre o item. Confira algumas informações para sanar essas dúvidas logo abaixo, olha só:

O que é Lombada eletrônica?

Cada vez mais comum no trânsito, a lombada eletrônica consiste em ser, basicamente, um sensor para compreender a velocidade dos veículos que passam por ela. Sendo assim, é uma forma de detectar velocidades acima do permitido nas vias onde são aplicadas.

Assim, é uma forma de fiscalização importante para evitar que os motoristas extrapolem nesse sentido, um dos principais causadores de acidentes em vias terrestres hoje.

Qual o limite de tolerância da Lombada eletrônica?

O que pouca gente sabe é que existe uma tolerância para esse radar e com isso, passando apenas um pouco da velocidade permitida, não será gerada uma infração. Esse é um ponto positivo, evitando a detecção de problemas em uma variação pequena.

No geral,  a tolerância considerada é de cerca de 7km/h. Ou seja, se o limite de quilometragem de uma região é de 100km/h e você passa com 7km/h, não haverá infração a ser detectada. Mas claro, o importante é evitar e andar sempre abaixo do valor descrito.

Qual a diferença de radar e Lombada eletrônica?

A grande diferença do radar convencional para a Lombada eletrônica é a forma para qual cada um desses meio acaba sendo utilizado. Por exemplo, a lombada eletrônica não pode ser usada para gerar infrações, enquanto o radar cumpre essa função.

Outro elemento associado a isso é que a lombada eletrônica é estritamente usada para o controle de velocidade, não sendo capaz de realizar outras funções como a captura de imagens, elemento que deve constar em atuações formais.

Vantagens

O principal fator vantajoso, que inclusive é o que tem contribuido para que seja cada vez maior a aplicação de lombadas eletrônicas, é que o seu custo é bem mais baixa que aquele exercido quando pensamos no radar convencional.

Mas é claro, mesmo não gerando infrações, seu impacto tem sido positivo no trânsito. Isso porque é perceptível que graças a esse elemento ocorre uma diminuição significativas em problemas no trânsito, como batidas e atropelamentos.

Desvantagens

Com o intuito de educar sendo muito bem cumprido, a única desvantagem que podemos associar ao uso da lombada eletrônico é que ela não pode gerar infrações formais, um fator que tende a deixar o motorista aionda mais atento.